Findicas

O blog da
Finplace

Capital de giro: a reserva para o seu negócio

Findicas

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter

Capital de giro é um dos fatores mais importantes para manter seu negócio sustentável.

 

Capital de giro é a diferença entre os recursos disponíveis em caixa e as despesas. 

Qual é a necessidade de calcular o capital de giro?

Capital de giro: a reserva para o seu negócioO cálculo do capital de giro precisa levar em conta os custos fixos, desde conta de luz e aluguel a qualquer outra despesa que seja necessária e que precisa ser quitada para manter as operações em andamento. Além disso, é preciso adicionar uma margem de lucro que garanta a vida útil da empresa sem que necessite pedir empréstimos para empresas ou entre no cheque especial.

 

É crucial que essa avaliação faça parte da rotina do negócio, pois um capital de giro para empresas representa o pagamento em dia para seus fornecedores, a cobertura de custos inesperados, a possibilidade de vendas a prazo para seus clientes e a sustentação de toda a base financeira.

 

Como gerenciar o capital de giro?

 

É muito comum, em especial na venda de produtos, que exista uma sazonalidade ao longo do ano. Datas comemorativas como natal e dia das mães inflam o comércio, enquanto outros meses representam uma redução drástica nas vendas. O capital de giro de uma empresa precisa estar preparado para isso.

 

Assim, o cálculo vai além do valor necessário para sobrevivência mensal da empresa, mas busca avaliar o quanto você precisa para cobrir os meses de baixo movimento, sem ter que fechar as portas ou entrar no vermelho. Por isso, gerenciar o capital de giro é um exercício constante, em que são revisados custos e processos, levando em conta as necessidades anuais das empresas também.

Existem soluções para manter seu capital “girando”

A vida financeira saudável de uma empresa exige o gerenciamento do fluxo de caixa, mas também é preciso conhecer como reinvestir sem se endividar, estudando opções de créditos para empresas, por exemplo. Vale ressaltar que uma das soluções mais seguras é a antecipação de recebíveis.

Antecipar notas fiscais tem se tornado uma forma rápida e fácil de conseguir capital de giro para fomentar uma demanda imprevista ou permitir investimentos em projetos. Com uma nota fiscal de produtos, um estabelecimento pode “vender” uma nota, pagando taxas para uma instituição financeira e, assim, receber antecipadamente o valor.

 

Uma maneira segura de realizar essa antecipação de recebíveis é por meio de um marketplace financeiro como a Finplace. A plataforma visa criar uma ponte entre empresas e instituições financeiras para facilitar essa negociação, permitindo que o empresário compare e escolha as melhores taxas com o máximo de transparência possível. 

Dessa forma, soluções inteligentes como esta podem aumentar ainda mais o potencial do seu capital de giro como reserva do seu negócio. 

 

Se quiser saber mais sobre capital de giro, antecipações ou plataformas financeiras em geral, leia outras notícias no blog em nossas Findicas.

 

Acesse Também Nossas Redes Sociais

Curta nossa página no Facebook , siga nosso Instagram e nosso LinkedIn

E Inscreva-se no nosso Canal

Ou, entre em contato através do nosso whatsapp ou chat, disponíveis aqui no nosso site!

Tags

Cadastre-se
agora


Cadastre-se agora

É grátis e em apenas 1 minuto
você conclui seu cadastro!