Imprensa

Saiba o que estão
falando sobre nós

Artigo de Felipe Avelar sobre Relevância do crédito para PMEs é destaque no Estadão

Imprensa

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter

O futuro das pequenas e médias empresas, caso o crédito emergencial acabe de vez no Brasil, foi destaque em um artigo assinado pelo nosso CEO, Felipe Avelar, e publicado no jornal Estadão desta segunda-feira (18/01), na coluna do renomado colunista Fausto Macedo.

Para a Finplace, ter espaço em um dos veículos mais influentes do Brasil reforça o quanto o nosso propósito de democratizar o acesso ao crédito vem ganhando cada vez mais força e mostrando como a Finplace é uma solução cada vez mais necessária para apoiar os empresários que precisam vencer os obstáculos deixados pela pandemia.

“O ano de 2020 acabou, mas as sequelas que deixou em nosso país ainda levarão um bom tempo para serem sanadas. Se o crédito secar por completo, os negócios de menor porte, sustentáculos de nossa economia, pagarão um preço alto. Sem empréstimos, as empresas perderão a capacidade de investimento e não terão o capital de giro necessário para seguir em frente”, reforça Felipe no texto.

Além de ser essencial para a manutenção dos variados tipos de negócios no Brasil em um período pós-pandemia, o acesso rápido e seguro ao crédito também estimula a geração de empregos e ajuda o dinheiro a circular. Ainda na visão de Felipe Avelar, o nosso país necessita urgentemente de medidas que agilizem reformas administrativas e econômicas capazes de oferecer melhores condições aos brasileiros, especialmente àqueles que têm um negócio próprio.

Para o nosso CEO, também é fundamental que as instituições financeiras deixem para trás algumas práticas burocráticas e ultrapassadas, dando abertura para novas ofertas de crédito para empresas. Uma dessas possibilidades, segundo ele, é a antecipação de recebíveis, que vem auxiliando diversos empresários a ter dinheiro em caixa para o pagamento de contas, salários e outras despesas do dia a dia.

Clique aqui para ler o artigo na íntegra.

Tags

Cadastre-se
agora


Cadastre-se agora

É grátis e em apenas 1 minuto
você conclui seu cadastro!